Mês: maio 2015

Quer mudar a cara da sua sala, mas não quer reformar a casa? Uma boa solução é mudar a decoração e incluir apenas um ou outro item aos ambientes. Essa pequena mudança já faz toda a diferença e dá outra cara! Para quem usufrui de espaço na casa ou apartamento, os bancos são alternativas legais para dar um toque moderno e sofisticado.

bco

bco7

E, o melhor, com um pouquinho de criatividade as peças podem adquirir novas utilidades se transformando em mesas de centro, apoio ou estantes.

bco6

bco5

bco3

bco2

bco1

bco0

bco9

bco8

Com influências do estilo hippie chic e um toque romântico, o estilo boêmio nasceu nos anos 70, mas até hoje tem forte presença tanto na moda como na decoração. Estampas com um toque romântico e sem seguir nenhum padrão específico.

bo1

bo2

A intenção é criar um mix de entre os estilos, romântico, o vintage e o hippie, de forma que ele fique harmonioso e único. Outra facilidade do estilo boêmio na decoração é o fato dele ser fácil de ser implementado, que um dos pontos fortes do estilo é reaproveitar móveis de madeira antiga, como armários, mesas, camas e até mesmo camas e demais objetos de ferro que ao serem incluídos dão um toque a mais ao ambiente.

bo4

bo3

Tons vivos de fúcsia, turquesa, branco, vermelho ou magenta também marcam presença, em especial quando combinados com paredes claras, dando um ar mais despojado a decoração. Vale ainda usar de elementos como almofadas, mantas e tapetes com estampa animal, velas e castiçais e outros objetos para criar um ambiente mais intimista.

bo6

bo5

Objetos com valor emocional, tem lugar garantido no estilo boêmio, por isso porta-retratos devem ter um local em que fiquem de destaque na decoração.

bo7

bo8

bo

bo9

bo0

Não há nenhuma demonstração maior de afeto do que o ato primitivo de comer e na melhor versão dele, em conjunto. E não estou falando do comer fora, na companhia de estranhos. Mas comer dentro, na intimidade, com pessoas familiares, com carinho, comer na própria louça, na própria mesa. O único inédito só pode ser a comida, de resto apenas o conforto, os abraços, as risadas, piadas e conversas pela noite afora.

rec

A iluminação é uma forma sutil e arbitrária na ambientação da casa, ela pode sugerir aconchego por si só. A luz indireta será sempre bem vinda, nos cantos da sala, em abajures, em velas na mesa do centro.

rec7

Não abra mão das flores por preguiça, nunca! Sexta-feira no Ceasa funciona a feira de flores e você pode encontrar de tudo. Pense nas cores da sua casa, na cor da toalha de mesa e no clima que você quer passar.

rec1

Aquela velha história da louça de festa que você via sua mãe tirar do armário no Natal. Não, não estamos falando de prata, necessariamente, mas se possível um prato diferente, colorido, uma travessa que ganhou de presente e nunca usou. Coloque tudo o que quiser usar sobre a mesa, lembrando dos pratos que irá servir, encaixando as diversas formas até encontrar um desenho harmônico entre elas. A mesa é o palco, não um apoio de comida. Ela deve estar bem iluminada e decorada, deve ser a musa da noite.

rec5

Se a louça for branca, procure uma toalha colorida e vice e versa. Reserve um vaso de flores pequeno para esta mesa (cuidado para não colocar flores com cheiro forte e nem altas demais)

rec3

Sabe aquelas latinhas que sempre mostro aqui, e pode ser que você tenha em casa sem usar? Que tal traze-las para sua mesa?

rec8

rec9

Pronto, sua mesa está cheia, bonita, cheirosa e gostosa! Pode chamar todo mundo.

rec4

rec2

rec6

O livro faz parte da história da humanidade e pode estar inserido de forma muito charmosa e em diferentes espaços.

liv

Eles podem ser usados na cozinha, como fonte de inspiração para novas e deliciosas receitas, na sala, escritório, biblioteca, quartos, cantinhos de leitura, e até no hall de entrada.

liv1

As formas de dispor também podem variar de acordo com o objetivo do projeto. Geralmente expostos de maneira monótona, dispostos lado a lado, em estantes convencionais, os livros podem se transformar em atrativos estéticos se arranjados com criatividade.

liv2

Podemos expor as obras empilhadas, em cima de móveis, como mesas, em estantes e nichos. Vale usar a criatividade e o bom senso.

liv3

É importante mostrar que o livro ocupa um lugar especial dentro daquela casa e na vida das pessoas que moram ali. Eles não devem ser jogados de forma aleatória no espaço.

liv4

Inseridos na mesa de centro da sala, em estantes, mesinhas laterais eles ajudam na composição do ambiente!

liv5

liv6

liv7

liv8

liv9

Ornamentais acima de tudo, os ladrilhos hidráulicos estão entre os revestimentos mais tradicionais que existem. Derivados do mosaico bizantino, são produzidos artesanalmente, um a um, a partir de moldes metálicos e de uma mistura de matérias primas como o cimento. Nos últimos anos, o resgate da estética do passado aliado à busca por soluções para revestimento exclusivas deu um novo impulso à produção desse material. Hoje é possível encontrar ladrilhos cobrindo paredes, pisos e até móveis, tanto em áreas internas quanto externas.

lh

Mas, o que torna esse revestimento tão interessante é, em primeiro lugar, a infinidade de estilos, desenhos e cores que pode ser aplicada em sua superfície. As possibilidades vão desde as peças sóbrias em branco e preto para passeios públicos, àquelas com motivos geométricos e florais encontradas nas cozinhas de antigamente. Em cada quadrado é possível combinar até cinco tons diferentes.

lh1

lh2

Além da estética, há qualidades técnicas que justificam o uso dos ladrilhos, como a elevada durabilidade (algumas peças resistem a 100 anos de uso) e o aspecto ecológico, já que a produção dos ladrilhos, por dispensar a queima em fornos, não consome energia, nem emite gases.

lh3

lh4

A possibilidade de personalização das peças é um ponto forte desse material. Na produção dos ladrilhos podem ser utilizados moldes prontos, disponíveis nos catálogos dos fabricantes. Nesse caso, o cliente pode escolher as cores que irão preenchê-lo. Também podem ser empregados moldes novos, produzidos sob encomenda para quem busca um desenho exclusivo.

lh5

 

Diante de tantas opções, é importante considerar algumas estratégias para evitar sobrecarregar visualmente os ambientes. Nesse ponto, a dica é a de adequar os ladrilhos às cores que já estão presentes no espaço ou agregá-los aos tons e materiais mais neutros, como placas cimentícias e madeira.

lh6

Esses revestimentos podem ser utilizados como elemento decorativo em cozinhas e áreas externas, podendo até ser aplicados em local de uma circulação maior de pessoas. Eles só não são indicados para áreas onde há sobrepeso elevado como, por exemplo, em garagens.

lh7

lh8