Azulejo de metrô- Revestimento bisotado ganha destaque

Os azulejos de metrô, também conhecidos por subway tiles, foram ressurgindo aqui e ali até se tornarem uma verdadeira febre quando se fala de revestimentos para o banheiro e para cozinha. Com ar cool e visual retrô, eles conquistaram as paredes das casas mais descoladas dos dias de hoje, apesar de terem aparecido nas estações de metrô de Nova York no início do século 20.

subway

Com sua forma retangular e cantos bisotados, eles mesclam atmosfera contemporânea com perfume vintage. Apesar de serem vistos principalmente na cor branca, também podem ser coloridos ou pretos, além de possibilitarem usos diferentes do habitual. Para trazer inspiração na hora de usar os tão falados azulejos de metrô, selecionei aqui 10 formas de sucesso para aplicá-los. 

subway3

 

Os azulejos de metrô aparecem na sua forma mais clássica – brancos e com rejunte escuro – mas ganham rusticidade ao serem confrontados com o calor dos objetos em madeira.

subway1

O revestimento ganha mais leveza ao receber rejuntes claros, assim como a cozinha abaixo. 

subway5

Já neste banheiro, a proposta ganha ainda mais informação visual. O revestimento cobre todas as paredes. O piso traz uma boa dose de sofisticação e charme geométrico.

subway6

Aqui ele traz à tona uma das características que o tornaram um sucesso no passado: prático, lavável e limpo. Assim, torna-se o material ideal para fazer com que elemento do passado seja muito atual.

subway4
Neste um apartamento cheio de tons vibrantes, nada mais natural que usar o azulejo de metrô em versão colorida. 

subway9

Este hall de entrada mostra que o uso de materiais e revestimentos pode transformar um projeto. Colorido e aplicado no piso, o azulejo de metrô, neste caso, passa longe de transmitir uma estética do passado. 

subway8
Nada mais natural que apostar no azulejo de metrô para a cozinha. Mas em companhia do cinza dos armários, e prateleiras de madeira, ele assume muito bem seu lado clean.

subway2

subway7

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.