Categoria: Cadeiras Misturadas

Já assistimos vários filmes, colocamos os livros em dia, trabalhamos em casa, arrumamos armários e até nos exercitamos com aulas online de ginástica. E agora que continuamos sem poder sair, olhando para casa e com vontade de mudar tudo. A melhor forma de darmos uma carinha nova em alguns ambientes, é usando o que já temos, além de bem mais econômico e prático.

Então dê uma boa olhada no que tem de cadeiras dando mole por aí, e vamos mudar o layout da sala de jantar.

Para nos ajudar ainda mais, a forma de decorar os espaços está cada vez mais livre de paradigmas e regras.
pol9
Combinações criativas e muito modernas são esteticamente atraentes à primeira vista, mas podem ficar destoantes senão bem colocadas. Por isso as pequenas misturas costumam ser o ponto de partida para quem quer apostar sem erros.
1. Mesmo modelo, cores diferentes
Para quem tem medo de ousar coloque modelos de cadeiras iguais, porém com cores diferentes.

pol

Vale optar por uma cartela de cores – quentes ou frias – e variar o tom de uma cadeira para outra.

pol2
É possível ainda brincar com cores complementares, como preto e branco, preto e vermelho, dentre outras, ou abusar do colorido, se a sala de jantar já tiver vocação para ser despojada.

pol7

2. Mesma cor, modelos diferentes
Essa combinação cria uma impressão de movimento ao redor da mesa. Além das cadeiras tradicionais, a recomendação é usar uma ou mais peças com design inovador.

pol3

pol4

pol5
3. Cores e modelos diferentes
Aqueles que querem se jogar e não têm medo de arriscar podem e devem inserir uma cadeira diferente da outra, tanto na cor e modelo.

pol6

pol8

pol10

pol12

pol11

Colocar um banco único comprido no lado oposto das cadeiras é outra mistura que eu adoro!!!

 

Que tal fugir do óbvio e colocar todas aquelas cadeiras pelas quais se apaixonou? 
Foi-se o tempo em quer era preciso ter todas as cadeiras iguaizinhas. Hoje a sala de jantar está mais livre e podemos criar muito mais nesse ambiente. A mistura de diferentes cadeiras dá bossa ao projeto e mostra a personalidade da decoração.

mod1
E não há regras quando se quer levar originalidade ao décor, mas algumas dicas podem ajudar a conquistar uma harmonia.
Começando devagar: mix só de cores
Está com medo de radicalizar? O jeito mais fácil é mesclando as cores. Você escolhe o modelo da cadeira e compra uma de cada cor.

mod

Mesma cor, design diferente
Vamos arriscar um pouco mais? Aposte em uma cor só, mas misture os modelos. Aí, você pode escolher todas do mesmo material, mas com design variado, ou relaxar e mesclar modelos e materiais.

mod2

mod3
É interessante respeitar uma média de altura, mas isso não significa que você deva sair com a fita métrica para comprar as cadeiras. Basta ter uma noção de que é preciso equilibrar visualmente a composição.

mod5

Tudo, tudo diferente
Mais confiante? Se você quer ousar e dar muita personalidade, misture mesmo! Escolha uma cadeira de cada tipo. Vale mesclar cores, modelos e materiais. Veja algumas composições bem sucedidas:

mod4
mod6

mod7

mod8

 

Conjuntinho é chato, já falei.

Mas se você usar estes 3 princípios simples do design, logo logo estará combinando mesa e cadeiras de jantar como um profissional.

contra10

(Des) Combinando mesa e cadeiras de jantar como um designer

Um ambiente todo combinandinho, onde os móveis são todos do mesmo conjunto, as cores da mesma família, os acabamentos do mesmo material, é um ambiente sem personalidade.

Para criar interesse visual e fazer as pessoas se sentirem acolhidas, misture!

contra9

O segredo para acertar nas misturas é usar estes 3 princípios simples do design:

1. Contraste – Opostos se atraem
O contraste de cores, formas, texturas e estilos cria interesse e a sensação de aconchego.

Pense claro x escuro, formas orgânicas x linhas retas, fosco x brilhante, simples x elaborado, leve x pesado, duro x macio, etc.

Por exemplo: mesa de madeira rústica (pesada, fosca, rugosa) + cadeiras de acrílico transparente (leves, reflexivas, lisas).

contra

2. Unidade – Domando o caos
As cores podem ser usadas para criar a idéia de conjunto ou unidade.

Por exemplo: uma mesa com cadeiras de modelos diferentes da mesma cor funciona por que a cor unifica o conjunto.

 

contra2

contra11

 

Da mesma forma uma mesa com cadeiras iguais, todas do mesmo modelo pode ficar sem graça mas se cada cadeira tiver uma cor diferente, o conjunto fica interessante por causa da variedade introduzida pelas cores.

contra3

3. Repetição – Variedade com consistência
A repetição de algum elemento visual, que pode ser uma cor, uma estampa ou um material, ajuda a organizar nosso olhar e fortalecer a unidade.

contra4

contra5

Por exemplo: mesa + mix de cadeiras de modelos diferentes mas da mesma cor e material.

contra8

 

Agora, se você prefere não se arriscar, eu te mostro combinações que sempre funcionam. É só escolher a que tem a ver com o seu estilo e se jogar.

contra0

contra00

contra000

contra0000

 

A sua casa vai ser única, uma expressão da sua personalidade e não um espaço saído de um catálogo de loja.

 

Os ambientes que mostramos nessa seleção provam que um pouco de ousadia pode render composições personalíssimas. O que essas salas de jantar têm em comum é a mistura de diversos modelos e cores de cadeiras. A ideia é deixar a criatividade rolar e harmonizar os detalhes escolhidos com o restante da decoração. 

mix7
E que tal fugir do óbvio e comprar todas aquelas cadeiras pelas quais se apaixonou? Te mostro que fica bom e dou as dicas básicas.
Foi-se o tempo em quer era preciso ter todas as cadeiras iguaizinhas. Hoje o jantar está mais livre e podemos criar muito mais nesse ambiente. A mistura de diferentes cadeiras dá bossa ao projeto e mostra a personalidade da decoração.
E não há regras quando se quer levar originalidade ao décor, mas algumas dicas podem ajudar a conquistar uma harmonia.
Começando devagar: mix só de cores
Está com medo de radicalizar? O jeito mais fácil para quem ainda está receosa com essa ideia é mesclando as cores. Você escolhe o modelo da cadeira e compra uma de cada cor.

mix2
A mistura pode trazer um charme especial. Só lembre-se de respeitar a proposta do projeto.

mix0

mix1
Mesma cor, design diferente
Vamos arriscar um pouco mais? Aposte em uma cor só, mas misture os modelos. Aí, você pode escolher todas do mesmo material, mas com design variado, ou relaxar e mesclar modelos e materiais.

mix3

mix4
É interessante respeitar uma média de altura, mas isso não significa que você deva sair com a fita métrica para comprar as cadeiras. Basta ter uma noção de que é preciso equilibrar visualmente a composição.
Tudo, tudo diferente
Mais confiante? Se você quer ousar e dar muita personalidade ao jantar, misture mesmo! Escolha uma cadeira de cada tipo. Vale mesclar cores, modelos e materiais. Veja estas composições bem sucedidas.

mix6

mix8

mix9

Se optar por menos ousadia, ainda podemos mudar só a cadeira da cabeceira da mesa.

mix10

Sempre há um jeito de brincar com a decoração para deixar a casa com a nossa cara. Explorar essas possibilidades pode resultar em espaços sensacionais.

Uma forma despretensiosa para fazer isso, é a utilização de cadeiras diferentes na mesa de jantar. A combinação surgiu para quebrar a monotonia dos ambientes clássicos e conquistou o coração de várias pessoas.

mistura

Para você, que está louco para fazer isso em casa, mas com medo da ideia dar errado, confira algumas inspirações e boas dicas aqui.

Antes de começar

Preste atenção na altura nas cadeiras. O ideal é que todas estejam do mesmo tamanho, ou pelo menos em uma posição que fique confortável na mesa que você escolheu.

Outra dica importante é pensar no equilíbrio entre os elementos. Já que as cadeiras terão cores, tamanhos ou estilos diferentes, é interessante encontrar uma mesa mais simples para garantir uma composição harmoniosa – peças discretas e monocromáticas são uma boa escolha.

mistura11

Para facilitar a combinação, procure repetir cores ou texturas das cadeiras em outros elementos do ambiente, como pôsteres, objetos ou móveis.

Considerando esses pontos iniciais, já é possível criar composições muito boas e que não pareçam aleatórias. Quer arriscar mais? Vamos às próximas dicas:

Começando pelo básico

Uma maneira simples de investir nessa tendência é apostar na simetria. Para isso, você pode inserir duas cadeiras diferentes, uma em cada cabeceira da mesa. Em mesas redondas, também é possível misturar duplas de modelos.

www.nbarrettphotography.com

Cadeiras diferentes, mas nem tanto

Para quem deseja ousar um pouco mais, mas continua tímido nas mudanças, uma dica é equilibrar semelhanças e diferenças entre as cadeiras. Como assim? Cadeiras de modelos iguais, cores diferentes. Cadeiras de modelos diferentes, mesma cor.

mistura2

mistura3

Tudo diferente

Lembrando que, mesmo nesse caso, ainda é interessante manter alguns pontos em mente. Você pode inserir um centro de mesa atraente ou um tapete grande debaixo do conjunto. Isso ajuda a unificar a composição.

mistura4

Agora, se você quer deixar sua mesa totalmente diversa, a ideia é se aventurar o máximo possível. Além das cadeiras com cores e modelos diferentes, você também pode apostar em bancos e sofás.

mistura10

mistura9.

Também é importante evitar o uso de cadeiras muito parecidas entre si, porque isso evidencia mais as diferenças do que as semelhanças entre os modelos, e o resultado pode ficar parecendo mais um improviso do que algo intencional.

mistura6

 E aí, que tal apostar nessa misturinha na sua mesa de jantar? Depois me conta como ficou ♥

mistura8

mistura7