Categoria: DIY

Quando o gosto pessoal extrapola meros pensamentos e ganha forma física é incrível. Ainda mais se o mesmo se tornar o grande protagonista da cena, não?

Os garrafões, apesar de ser um objeto que há alguns anos fazia parte do cotidiano das famílias em muitos países, encontra-lo hoje em bom estado não é nem tão fácil nem tão barato. Mas sem dúvida, vale a pena recuperá-los.

GARRAFOES2

GARRAFOES6

Eles não precisam de um lugar especial, já que são lindos mesmo sozinhos. Sabe aquele lugar que parece que é pequeno para uma mesa e grande para um vasinho? Todo mundo tem, então coloca lá um garrafão e me manda a foto para eu postar aqui.

GARRAFOES5

GARRAFOES1
Existe uma lenda dos garrafões que vem do francês “Dame Jeanne” e atrás desse nome tem uma história muito bonita e curiosa. Contam que a Rainha Joana I de Nápoles (1326-1382) refugiou-se de uma tempestade em uma oficina de um mestre artesão do vidro. Ao que parece, o tempo que esteve ali resguardada da chuva, a rainha se interessou pela fabricação de garrafas de vidro e gostou tanto da técnica que quis tentar ela mesma fazer sua própria garrafa.

GARRAFOES8

GARRAFORD9

Segundo a lenda, ela soprou com tanta força que conseguiu criar uma garrafa de aproximadamente 10 litros de capacidade, muito acima do que era considerado normal na época. Por isso em homenagem ao feito da rainha, o mestre em produzir garrafas de vidro batizou esse tipo de garrafa como “Dame Jeanne” e começou a fabricar até que estendeu-se seu uso.

GARRAFOES

GARRAFOES3

Quem tiver um amigo eletricista, é fácil transforma-lo em um lindo abatjour!

GARRAFOES7

GARRAFOES4

 

 

O vinho é uma bebida eclética e democrática, combina com qualquer ocasião, podemos beber ou utilizar como ingrediente e acrescentar um sabor especial a uma receita. Dele se aproveita tudo, as garrafas podem ser utilizadas como belos vasos de flores ou luminárias, o barril até como pia e as rolhas idem.  

WINE

WINE1

Selecionamos algumas maneiras originais e criativas de reaproveitar o que normalmente descartamos. O melhor de tudo é que você pode fazer em casa, sem gastar quase nada. Inspire-se!

WINE7

WINE2

WINE10

WINE8

WINE9

WINE3

WINE4

WINE6

WINE11

Quer ter uma decoração única e ecológica? Reaproveitar objetos quotidianos está na moda, além de ser uma prática sustentável para o meio ambiente, a reciclagem faz bem ao ambiente, e também à nossa casa.

gar

gar1
Garrafas, copos de vidro, latas, vidro de perfume, entre outros, são só alguns dos lixos que produzimos todos os dias. A lista completa é quilométrica, mas não precisa ser.

gar2

gar3
Já parou para pensar em quantos objetos interessantes podem ser feitos com coisas que jogamos diariamente para o lixo?

gar4

gar5

gar6

Escolha sua inspiração favorita e mão à obra!

gar7

gar8

gar9

Geração excessiva de lixo é um dos grandes problemas dos dias atuais, mas a boa notícia é que usando a criatividade podemos dar novos usos aos objetos que seriam descartados.

recc
Garrafas feitas de vidro, não precisam ir para o lixo depois de vazias.

recc1

recc2
Com bons olhos, tenho certeza que dentro do armário ou na geladeira da sua casa lindos castiçais  e vasos surgirão.

recc3

recc4

recc6

recc7

recc8

recc9

Itens clássicos da decoração, as tapeçarias retornam à voga com nova roupagem. Desde modelos antigos até os mais contemporâneos para levar a beleza das tramas artesanais para a parede é aposta certeira.

tap

tap1

Quando ele é colocado na parede ganha status de obra de arte, não acham?

tap3

E o melhor é que modelos para pendurar cabe em todos os bolsos.

tap4

Vale levar em conta alguns segredinhos na hora de escolher o novo protagonista da sua parede. A começar pelo material. Existem de vários tipos, desde os chamados kilim, passando pelos de lã aos de seda pura. O importante é não seja pesado ou muito grosso. Ele é aparafusado na parede, como uma moldura, e sustentado por um de seus lados, ou ainda como da imagem abaixo. Vale investir em uma luz dirigida, como se fosse um quadro.

tap5

tap7

tap6
A manutenção de tapetes que vão na parede é bem simples: basta aspirá-lo como se fosse um tapete comum.

tap8

E senão tiver nenhum tapete dando sopa por ai, mantas, tecidos e lenços também são bem vindos.

tap9

tap2